Os conteúdos aqui seleccionados são exclusivos para assinantes PGLOBAL

Assine já

O PGLOBAL está incluído na assinatura PÚBLICO.

Já é assinante? Inicie sessão aqui

Nas traseiras da igreja de Bucha “os russos despejaram pessoas como se fossem restos de comida”

Na cidade amaldiçoada pela guerra, três valas comuns escondem “centenas de corpos de homens, mulheres e crianças”. A maior parte dos edifícios da cidade estão intactos, mas os sinais do terror mostram-se por todo o lado. Os idosos, em lágrimas, contam histórias de saques a casas de gente pobre. A Bucha, muitos chamam-lhe hoje “o Inferno”.

guerra,kiev,mundo,russia,ucrania,europa,
Foto
Fotografia em Bucha Miguel Manso